A aventura de um lamecense perdido em terras andinas!
Segunda-feira, 30 de Abril de 2007
Mais um Fernando a chegar ao Pacífico...
Pois é, no 28 de Abril de 2007, reeditou-se uma muy antigua tradição portuguesa... um Fernando a ver o Pacífico... :) Eu explico, há quase 500 anos (faltam mais ou menos 10 anos para se cumprir essa data) Fernão(do) :) de Magalhães foi o primeiro europeu e primeiro português a avistar o Pacífico, depois de cruzar o estreito que ficaria com o seu nome.
E consequentemente o primeiro europeu e português a chegar ao Chile....

Passados uns anitos... lol... Fernando Figueiredo (Pai), por alturas do início dos anos 70, chega a Timor para cumprir o seu serviço militar, tornando-se assim o primeiro da família Figueiredo :) a ver o Pacífico também....

Agora passados mais de 30 anos, Fernando Figueiredo (Filho), avista pela primeira vez o Pacífico... Um feito sem dúvida ;)

Bem efemérides à parte, e apesar de ter em conta que a àgua e o mar não é diferente do Atlantico (mas de verdade que me pareceu bem Pacifico :) ), foi uma estreia em grande. Visitei este fim de semana Valparaíso, antigo porto maritimo, essencial no antigo trafego, antes da construção do canal do panamá, para cruzar o pacífico ou para chegar à costa oeste dos Estados Unidos por mar.

É uma cidade extraordinária... de longe parece uma favela, com milhares de casinhas a cobrirem um cenário imenso de colinas, quando nos aproximamos é um labirinto de casas antigas com caracteristicas que so imaginamos nos livros ou qualquer coisa assim. Por mais dificil que seja de acreditar o complicado é encontrar casas iguais... Todas são diferentes, de todas as cores formas e feitios, formando um mosaico espetacular.

Pode não agradar a alguns, mas não deixa de mexer com uma pessoa, pensar em todas as nacionalidades e pessoas que percorreram aquelas ruelas e que trouxeram as suas ideias e identidade para aquela cidade...

Tem partes degradadas, muitas devolutas, mas a obra humana está lá. È patrimonio da humanidade, e com todo o mérito da distinção, principalmente porque se trata de uma conquista do homem sobre a dureza do relevo, bem ao estilo dos socalcos do douro (se calhar por isso agradou-me tanto....)

Bem, acho que nem as fotos vão conseguir passar o que senti. E conjugar isto com a visão do pacífico foi sem dúvida uma experiência fantástica!

Ainda para melhorar as coisas, os habitantes que conheci são muito simpaticos e acolhedores, e tudo num ambiente de... como descrever... se algum de vocês alguma vez leu livros de marinheiros, de piratas ou algo assim, acho que percebe a ideia!

A juntar a isto, mais de quinze elevadores estilo bom jesus de braga, bem antigos, uma noite bem divertida, ao estilo bairro alto, mas com outras condições... bem acho que dá para passar a ideia.

Agora é esperar que algum de vocês tambem queira conhecer, acho que se vão apaixonar como eu!

Amanhã começo a falar da minha visita às casas do Pablo Neruda, que me faltavam. Recomendo :)

PS: Como eu dizia ha umas semanas, a aventura ainda agora começou... ;)

Ver Fotos


publicado por Llama Nando às 00:29
link do post | favorito
|

1 comentário:
De miguel a 30 de Abril de 2007 às 12:12
ja me pareces mais animado :) ora ai esta um sitio para ver quando outro figueiredo aparecer por essas bandas.
Abraço


Comentar post

Quién soy yo????
posts recentes

Esperando o Inesperado!

Que grande volta!!!!

2007...2008

Piro manias

Italia che cosa voglio fa...

Adeus Santiago!

Ferias em Buenos Aires e ...

Viagens pelos antípodas.....

Mais um historria de Crrr...

Rapa Nui. A minha viagem ...

arquivos

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

pesquisar
 
links
Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

28
29
30
31


Visitantes
plants
plants Counter
Info
Mapa do Chile

blogs SAPO
subscrever feeds